Evangelho no Lar

O estudo do Evangelho no Lar é uma reunião em família para a troca de ideias sobre os ensinamentos cristãos, oferecendo esclarecimentos e promovendo o equilíbrio no lar. Este estudo é um encontro fraternal do qual participam os espíritos familiares, mensageiros de luz e interessados no progresso moral do grupo. É uma das formas mais saudáveis de fraternidade, que começa na família através do diálogo sincero e do exercício da caridade. Cada leitura do Evangelho é um roteiro de luz e de bençãos para o grupo familiar e para toda a área em que esteja instalado o lar que o pratique.

Sugestão de Roteiro

1 – Escolher dia e hora da semana em que seja possível a presença espontânea dos familiares. Observar rigorosamente o dia e a hora estabelecidos. Uma música suave e em tom baixo favorece a sintonia vibracional e a irradiação de pensamentos positivos propiciando ao ambiente energias fraternas;

2 – Colocar uma jarra com água para ser fluidificada e copos individuais para os participantes.

3 – Faça a leitura de um breve trecho do Evangelho Segundo Espiritismo. Podem ser utilizados outros livros.

4 – Após a leitura, faça comentários breves sobre o entendimento do trecho lido e a aplicação dos ensinamentos na vida diária. Deve-se evitar discussões, críticas e julgamentos para que se mantenha o equilíbrio vibratório da reunião.

4 – Encerre rogando à espiritualidade em favor do lar onde se realiza o evangelho, para as pessoas presentes, por seus familiares, amigos, pelos lares ao seu redor, por seu país e pela humanidade.

5 – Faça fluidificação da água rogando aos médicos espirituais que coloquem a medicação necessária para a cura dos males físicos e espirituais. Servir aos presentes e reservar o restante para tomarem durante a semana.

6 – Não transforme o culto do lar em reunião mediúnica. O plano espiritual orienta, insistentemente, que os lares não estão preparados para este tipo de trabalho que requerem condições vibratórias especiais, só encontrados em centros espíritas.

7 – Assiduidade e pontualidade são importantes na obtenção de boa sintonia com os protetores do lar. Caso seja inadiável a ausência da família, antes de sair deixe o livro aberto junto à jarra com água e, na hora prevista para a reunião, mentalizar o lar de onde estiverem. Ao retornar, ler a página aberta e servir a água.